Dando um alô

Demorei um pouquinho mais a postar, por pura falta de tempo.  A semana que passou foi de bastante trabalho,  incluindo uma viagem a São Paulo, para uma reunião importante, e isso sempre gera um descompasso no planejamento geral.

Viajei de véspera, para não haver tanta correria e, principalmente, evitar qualquer contratempo no próprio dia da reunião, como por exemplo os problemas de visibilidade, por conta de neblina etc. que poderiam fechar o aeroporto.  E chegar atrasada na reunião, nem pensar.

Valeu a pena, pois pude jantar (na verdade, foi um lanche) com o meu filhão querido, conhecer o apartamento dele que ainda não está totalmente mobiliado, mas é uma graça, super bem localizado, adorei.

A viagem não me tirou da linha na alimentação. A opção no Fifties, local sugerido pelo filho, foi um cheeseburguer light delicioso, naturalmente não era isento de gorduras e kcal, mas também não era nenhum horror. E cabia perfeitamente no cardápio do dia.

No dia seguinte, o café da manhã do hotel, num ambiente luxuoso e com fartura de tentações, também não fez nem cosquinha na minha disciplina. Em vez de comer muito, eu fiz é rir muito, conversando com a minha chefe_amiga com quem viajei, comentando sobre as misses estaduais, que em poucos dias concorreriam ao título de Miss Brasil, que também estavam hospedadas lá  e tomavam o seu café ali, nas mesas ao nosso lado.

Gente boa, não é despeito não, mas cada garota feinha, não é horrorosa não, claro, mas tirar ali uma ou outra com ‘cara de miss’, com beleza de se tirar o chapéu era tarefa difícil, tá?  Pra começar, sete e pouca da manhã e elas já com uma maquiagem bastante forte, cabelo feito, todas vestidinhas com o mesmo ‘uniforme’ (calça esportiva, camiseta, uma blusa por cima na cor roxa, o mesmo tênis e a faixa de miss do seu estado). Parecendo bonecas  Barbie. Algumas mesmo com tanta maquiagem eram  bem sem graça, imagino sem a argamassa toda!

Ok, alguém dirá que estou é com inveja! kkkk Não é! kkkk

Primeiro, porque na minha atual versão (por sinal, quase mudando…rs), só se eu for me candidatar a Mis-segura! Ou algo assim! kkk  É que eu sou de um tempo em que para ser miss a criatura tinha que ter uma beleza natural bem acentuada, tinha que ter um porte bacana, uma certa altura, um corpo bonito (algumas são muito ‘tábuas’),  e ainda entrava a simpatia, algum conteúdo…

Na época não era permitido, de jeito nenhum, o que hoje já pode: plásticas, silicone etc. A beleza tinha que ser natural. Eu conheci a Eliane Thompson, que foi Miss Brasil em 1970 (quem a coroou foi Vera Fischer), éramos vizinhas de prédio, ela era linda.  Anos depois, conheci pessoalmente a Vera Lúcia Couto, Miss Guanabara, 2ª colocada no Miss Brasil e 3ªno Miss Beleza Internacional 1964. Absolutamente linda.  ‘Reza a lenda’ que ela só não foi Miss Brasil por preconceito racial, não sei se há fundamento nisso.

Enfim, já há anos vejo as misses e percebo que os bons tempos se foram. E tive a chance na semana passada de ter certeza absoluta disso…rs Porém, justiça seja feita: das misses que eu vi, destacava-se a representante do Rio Grande do Sul, eu e minha amiga comentamos isso.  Quando soube, já no domingo, que ela foi a vencedora, gostei, foi justo.

E a semana seguiu, veio o fim de semana, eu ainda com todos os reflexos desse meu período hormonal especialzinho, ainda me sentindo inchada (e estando mesmo) e outros sintomas chatinhos, resolvi dar um tempo para a pesagem, uma única semana.

Tratei de desencanar, embora me mantendo firme, claro. No sábado não, no sábado eu abri concessão sim, no café da manhã teve um pãozinho extra e o almoço, planejado há dias, em companhia do marido, do filhão (que veio passar o fim de semana conosco) e da filhota, foi um risoto de camarão de comer rezando, lá no Siri. Com direito a pastel de camarão na entrada, pois de santa não tenho nem o nome, nem a cara, quanto mais o comportamento!kkkk

Mas tirando isso, tudo na linha, até porque a proposta era abrir concessão naquele fim de semana especificamente, mas manter a rotina bacana como deve ser e assim estou levando as coisas.

Uma hora olho no espelho e me sinto ótima, outra olho e implico, mas as roupas estão gostosas no corpo, cada dia algo fica melhor em mim. No sábado, com toda a certeza, com ou sem inchaço, menopausa ou pré, ou sei lá o que, vou cumprimentar a Plenna e o que ela disser, está dito. Vale saber que estou fazendo a minha parte, com serenidade, dando meus passinhos, um de cada vez.

Desejo que estejam todos vocês ótimos, peço desculpas pelas visitas que nesta semana estão bem capengas, mas estou bastante ocupada e, em casa, dando prioridade total à família, já que esta semana o marido está com horário especial e conseguindo vir cedo para casa e a filhota está a poucos dias de voltar para o interior de SP onde mora e faz faculdade. Sem contar que o Luke continua exigindo uma atenção tremenda, ficou mais que comprovado que a falta de juízo dele não estava nas bolas, elas se foram e ele está cada dia mais danado! kkkkkk

Agora me vou, porque sou filha de Deus e marquei encontro com filhota e marido para um cineminha legal, vamos ver Harry Potter tá? Beijos!!!!!

Anúncios
Esse post foi publicado em Uncategorized. Bookmark o link permanente.

19 respostas para Dando um alô

  1. Danielle disse:

    Oi Bethhhhhhhhhhhhh, quanta saudade de vc viu dona moça…Beth curta muito a sua família e depois volte para nos contar tudo, sua serenidade ao escrever me deixa super motivada, tb comi risoto só que de linguiça aiaiaiaiai eu que fiz ficou maravilhoso comemorando níver de casamento ontem ( maridão anda muito bem obrigada…kkkkkkk), estava de visitas em casa ( 15 dias), enfim a ausência tem seu motivo viu… Te desejo uma semana maravilhosa

  2. Oi, Beth! Eu concordo com vc qto às misses. Qdo vejo as fotos das candidatas, mal as acho bonitas. São normais, arrumadas. Tem MUITA, MAS MUITA mulher mais bonita. Parece q são mal escolhidas, sei lá. Não achei a vencedora bonita, não… Não é feia, claro, mas não é um deslumbre. O q deve ter contato pontos foi o fato de ela ser gaúcha…

    Continue firme e forte, Beth! 🙂

    Beijos!

  3. Brian disse:

    Claro que você é Mis-Segura! Segura de si mesma.
    É muito bom quando a gente pode planejar o “escorregão” na alimentação.
    Ontem planejei uma bola de sorteve que há 60 dias não tomava. Pra isso, meu almoço foi ultra-leve.

    Saúde!!!!!

  4. leila disse:

    Fifties, aeroporto, hotel, vai me dizer que ficou na vila olimpia e nem ME FALOU rs.rs..eu trabalho aqui pertinho.
    Fui uma vez no fifties É UMA DELICIA.
    Menina conheci uma miss OSASCO, ela tem quase 45 anos hoje e é bonita ainda, Minha brincadeira de criança era desfilar PRA SER MISS rs.rs..mas eu sempre soube que meu tamanho DE ALTURA mesmo rs..nao me qualificaria pra tal funcao, concordo com vc, aqui tem muitas modelos, gente, elas sao MAGRAS, magras mas belas…vai longe…
    bjs

    • Crizzz disse:

      Oi Beth,
      Cada dia é uma luta, né!
      Sofri com vc a perca de sua mãe, assim com com a Taty, tenho tanto medo de perder a minha, sei que um dia vai ter que ser, mas não consigo me conformar com isso.
      Vou recomeçar minha RA e AF mais uma vez.
      Bjus na familia linda!

  5. Q bom q viu o filhote, manteve a linha e ainda se divertiu.
    ser miss perdeu a graça, o encanto..qdo criança, mamãe ligava a tv pra assistir e n´so víamos com ela, e era um glamour só…
    agora, sem graça total.

    /(,”)\\
    ./_\\. Beijossssssssss
    _| |_…………….

  6. Nina disse:

    Oi Beth!
    Que beleza conseguir conciliar as saídas da rotina com um novo comportamento, vale a pena 😉
    Eu não sou contra plásticas, mas concordo que ficou banalizado, principalmente com as misses… São todas iguais, a beleza natural faz tempo que não se vê.
    Adoro vir aqui!
    beijos

  7. Janaina disse:

    Oi Beth,
    Adorei seu post, sua serenidade e ver que é possível mudar o comportamento em situações diversas ser perder a diversão e o prazer… Tenho fé que um dia vou conseguir também.
    Obrigada pelas palavras naquele outro dia quando perdi uma batalha na minha guerra contra o cigarro. Me ajudou muito a refletir e já marquei nova data para meu recomeço sem o ‘inútil’.
    Adorooooooo seu blog!!!!
    Beijao e curta muito a family!!!
    Jana

  8. Rosemary disse:

    Oi querida
    saudadesssss
    fiquei muito feliz em saber que mesmo viajando ficando em um hotel de luxo vc conseguiu se comportar muito bem amiga rs
    Parabens por isso flor rs
    estou de volto rsrs to com um blog novo agora miga rs

    Bjinhosssssssssss

  9. Vanessa disse:

    Oi Beth!!!

    é muito bom viajar, né… mesmo a trabalho! se puder aproveitar um tempinho com pessoas queridas então… vixe Maria! hahaha

    quanto a resistir a tentações….hummm… vc é uma guerreira das poucas, viu amiga. Parabéns!

    também acho que essas misses de hoje em dia não são lá essas coisas…. nem assisto. Mas quando eu era menina… amava e adorava vê-las desfilando e torcia como se fosse final de campeonato pela favorita…. hahaha… áureos tempos…

    beijussssss,

  10. Lela disse:

    Ai miga,

    que postagem gostosa…e eu aqui no curso, aha!

    Queria ter visto as misses; não vi nem pela Tv porque a mulher no passado tinha que “ser” bonita e hoje ela faz “plástica” tira e bota o que quer pra ficar no padrão; nada contra mas a beleza “natural” é uma palavra quase inexistente; perdi o gosto por esses concursos,rs!

    Adoro comer no Siri – Ontem estive num rodízio de pizza e confesso; só pra acompanhar o maridão; comi tb mas “aquele sabor” cadê? é um repeteco de massa danado,aha!

    Quero ver Harry potter com a filhota mas as filas…ainda não consegui encarar..tá demais!

    Tadinho do luke…eu tenho uma pequinês de 12 anos que todos dizem estar muito velha e a cada dia ela está mais danada! entendo ele*

    Deixu beiju, querida

    Um findi gostoso pra vocês

  11. Electra disse:

    Também acho que, no mundo atual, o que conta MAIS é a embalagem e não o conteúdo.
    * Infelizmente *
    Vejo homens dizendo assim:
    – Tenho que arrumar “alguém” pra mim que faça encher os olhos!
    Claro que não se trata de uma gordinha…hahahahaha
    Mas sim de uma beleza estonteante, sem – necessariamente – possuir algum neurônio e/ou bom caráter.
    Mudando de assunto…
    Vê se “pega leve” com o Luke, hein?
    Senão vou aí roubá-lo para mim.
    Bjo

  12. Anne Rezende disse:

    Oi Beth, como sempre é uma delícia ler seu blog.
    Fico feliz por vc conseguir manter o controle e por conseguir planejar até o momento adequado p/ “sair da linha”… Isto é mt bom viu?! Saber que o controle é sempre seu, né?! Um dia chego lá!..rs
    Adorei o ” não fez nem cosquinha na minha disciplina”, kkkkkk – tb chego lá…rs..
    Olha curta a filhota ao máximo e um beijo pro danadinho do Luke.
    Continuo aqui na torcida por vc e acompanhando seus passos lights p/ aprender um pouco sim.
    Bjs, te admiro
    Anne

  13. Magui disse:

    Para mim, sanduiches , sejam quais forem , estão descartados. Pão nem com revólver na cabeça., a não ser de soja ue é tão ruim que como só uma fatia.A briga com a balança é cotidiana e não consigo voltar ao meu corpo de adolescente. ( hehehe). Qt à misses, o concurso está fora de moda e as belas preferem outros eu dão mais dinheiro e preservam a liberdade individual. Eu vi na televisão todas vestidas da mesma forma, um ridículo total.

  14. Tina disse:

    Beth, realmente as misses sao muito magrelas na minha opiniao!
    E todas corrigidas com cirurgia plastica. Sinceramente, vc esta certissima, nao se fazem mais misses como antigamente.
    Obrigada pela visitinha, querida!
    Me sinto honrada, viu?!
    Adoro vc!
    Bjus e ótimo findi!

  15. Dani Almeida disse:

    Olá Beth,

    Já foi tempo os bons Concursos de Miss. Lembro que ficava eu, minha irmã e minha mãe assistindo e torcendo, era uma grande diversão e a beleza natural das candidatas era tudo.

    Adoro o risoto de camarão do Siri, mas por sorte ou azar, meu marido não come nada que tenha frutos do mar, hehehe!!!

    Beijos!

  16. Kéren disse:

    Olá, eu sou estudante de psicologia do último ano e estou pesquisando como se constrõem as relações entre corpo e identidade na internet. Achei que sua escrita poderia ser uma proposta interessante para gerar novas discussões nesse campo de estudo. Essa é uma temática ainda muito recente, e eu acredito que ninguém cria e atualiza um diário virtual se não tem nada para mostrar ao mundo. Queria saber se você gostaria de colaborar com essa pesquisa. Sua participação será muito bem-vinda!

  17. Kéren disse:

    Meu email é identidade.corporeidade@gmail.com. Posso enviar por correio eletrônico maiores informações sobre a pesquisa. Desde já, obrigada!

  18. Praia hoje em dia, gosto apenas de apreciar a beleza do mar. Ficar queimando no sol, não é mais comigo. Ficou no passado. Principalmente que hoje curto mais o frio. Sorte sua que o nosso país é tropical. Abraços.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s