5º Dia da retomada…

Hoje é o 5º dia da minha ação pela virada. E posso dizer, com total honestidade e feliz da vida, que até aqui estou nota 10. Sim, 100% dentro do proposto.  E isso me dá imensa satisfação.

A alimentação está perfeitinha. Fui desafiada continuamente, mas tirei de letra.  Ontem (quinta-feira), almoço de aniversário de dois colegas de trabalho, muito queridos.

Fomos a um restaurante árabe, onde entre outras delícias, há uma pescadinha frita simplesmente divina, fantástica, maravilhosa. Geralmente, acompanhada de batatas coradas, arroz (de lentilha, ou brócolis, ou branco). Uma porção gigantesca, que dá para duas pessoas comerem e sobra, é muito bem servida mesmo.

 
Mas eu me programei, afinal eu estou numa primeira etapa que é mais apertadinha, sim. O povo começou petiscando pão árabe com Homus Tahine, que eu amo. Mas eu preferi não entrar nessa. Não seria nenhum crime ou pecado, mas eu tinha em mente fazer diferente, então fiz. Para não ficar com vontade enquanto os colegas petiscavam, pedi um Mate Zero, que fiquei bebericando enquanto papeava e ria muito até nossos pratos serem servidos.

 

Ah, não pedi a tal pescadinha de sempre. Fiz um pedido em separado, da pescadinha grelhada acompanhada por uma salada árabe fantástica que eles fazem lá, de folhas com tomate, pepino, salsinha, hortelã, tudo muito bem picadinho, é o máximo.

E uma porção bem generosa. Comi muito bem, fiquei satisfeita, não quis a sobremesa (que é incluída no preço da refeição) pois havia levado frutas para o trabalho.
E não me senti sacrificada, foi tudo muito natural. Fiz o que eu queria e é isso que dá satisfação maior.

emagrecer-saude

 

Outro desafio foi hoje também na hora do almoço, de novo uma comemoração de aniversário, agora de outra colega queridíssima também. O local que ela escolheu é um boteco  bem perto do trabalho, onde gostamos de ir eventualmente, quando estamos a fim de algo muito prático, rápido e que seja gordice, mesmo. Lugar onde se come batata frita com bife, farofa. Alguns acrescentam arroz e feijão, eu não.

 

Pois bem, eu pensei assim: ‘Vai ser barra, pois não quero sair do meu planejamento e aquela batata frita de lá (que não é daqueles congeladas, é batata de verdade) vai me tentar muito’.
Pois bem, ela ‘tentou me tentar’, mas não conseguiu me tirar da linha. Ainda sem saber o que poderia fazer para me alimentar direito naquele lugar onde nunca vi uma salada, só prato ‘heavy metal’ (kkk), perguntei ao garçon se ele conseguiria que o cozinheiro me preparasse uma salada de alface com tomate e cebola e um filé grelhado acebolado, nada além. Inventar qualquer outra coisa seria tirar o cozinheiro totalmente da rotina, para vocês terem idéia do que é ali….rs

 

Pois para minha surpresa, ele disse que sim e eu consegui comer um belíssimo bife, a salada estava ótima. A sobremesa foram uvas que trouxe de casa e pronto.

 

Ah, todo mundo comendo batata frita, farofa etc. ao meu l ado. E o bom foi que eu não senti vontade, de verdade. Eu me reconheci naquela Beth que fui em 2003 até 2006, no meu processo de emagrecimento, tão vitorioso na época.

 

Minha amiga disse que saindo dali, pensava em comprar um cuscuz (o doce, de tapioca com côco, leite de côco, leite condensado…) de sobremesa, e me convidou. Eu disse a ela que não, preferia comer minha frutinha.

 

E não houve dor nenhuma, foi uma decisão muito bem pensada.

Bom, não é?

E mais desafios virão. Amanhã tenho um aniversário, também! Felizmente é uma feijoada, eu não gosto de feijão, vou cair de boca na couve, na laranja e um pouco de carne! Kkk

Bom, são essas as notícias.    Logo voltarei com a evolução.

Que o fim de semana seja lindo para todos nós.

Anúncios
Esse post foi publicado em Uncategorized. Bookmark o link permanente.

Uma resposta para 5º Dia da retomada…

  1. Bella disse:

    Sei bem o que você está falando. Adoro comida árabe, acho até que tanto quanto italiana. rs E tem um ligar preferido pertinho de casa, então é uma tentação.
    Costumava pedir (sofá, telefone rs) uma dúzia de esfihas, abertas e fechadas, mais quibes. E acabava com tudo em duas refeições.
    Hoje em dia, vou até lá e me satisfaço com uma ou duas esfihas. Às vezes, peço também um quibe, se tiver com muita vontade e tive uma boa semana à mesa, sem exageros — aí, me permito.
    Detalhe: o quibe, que é frito, sim, mas uma delícia, agora me dá azia. rs É pra comer super de vez em quando mesmo…

    É a primeira vez que eu te visito aqui no endereço novo desde que voltei a blogar. E ainda é como se eu desse uma passadinha no Rio. 🙂

    Beijo, Beth, bom fim de semana.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s